Empreendimento no Complexo São Vicente, Mauá - MRV

Que feio, hein, MRV?!

05/05/2011 21:17

 

Trabalhadores encontrados em situação similar à escravidão retornam ao Maranhão

Publicado em 4/05, no Bom Dia - por Sergio Bento

Eles receberam tudo o que a empresa devia, além de passagem de volta e dinheiro para despesas de viagem

 
 
 

Cinco trabalhadores da construção civil, contratados em São Luis (MA)  e que viviam em situação similar à escravidão em Bauru, conforme relatou o procurador do Trabalho, Marcus Vinícius Gonçalves, retornaram nesta quarta-feira para o Estado natal. 

Eles estavam em Bauru desde dezembro do ano passado. Vieram em busca do sonho de melhores condições de vida e, segundo eles, com promessas de piso salarial de R$ 990 e adicional por produtividade, além de alimentação e moradia.Nesta quarta voltaram para a casa com um misto de decepção pelo sonho desfeito, mas com a satisfação de, enfim, ter seus direitos respeitados.

Eles foram resgatados no último dia 28 de abirl em um alojamento na zona sul, durante fiscalização do Ministério do Trabalho, em situação precária.“Comida era de péssima qualidade e higiene ruim. Faltava banheiro com água quente”, contou José Alves Borges, 24 anos. Além disso, o grupo estava sem receber salários há dois meses, conforme lembrou Francinaldo Silva dos Santos, 23. “Nunca mais deixo o Maranhão”, emendou José Ribamar Alves Borges, 24, satisfeito e aliviado com o desfecho.A MRV, onde os trabalhadores prestavam serviços, decidiu “por mera liberalidade” pagar todas as verbas rescisórias, como FGTS, décimo-terceiro e férias proporcionais, entre outras coisas devidas aos trabalhadores, além de passagens terrestre e verba para despesa de viagem, perfazendo um total de aproximadamente R$ 30 mil. O Ministério do Trabalho também decidiu emitir guia especial para recebimento de seguro desemprego. Representantes da MRV presentes à audiência preferiram não falar à imprensa nesta quarta. 

Já os sócios  da CF Camargo atribuíram o atraso no pagamento dos salários à demora nos repasses pela MRV e à burocracia. O procurador Marcus Vinícius Gonçalves afirmou que serão intensificadas as fiscalizações nesta área, inclusive em relação ao  fornecimentos de EPIs (Equipamentos de Proteção Individuais), como capacetes, nos canteiros de obras.

 

Comente

Data: 06/05/2011

De: Duane

Assunto: Muito feio mesmo

É gente... E infelizmente sabemos que esta não é a primeira vez que trabalhadores são iludidos com promessas e levados a outros estados para trabalhar em condições muito precárias...

Pesquisar no site

Contato

Telefone da Portaria Caparaó: 4513-5266 Telefone do sindico: 94754-3563.

Clique aqui para cadastrar-se reservadocaparao

Clique aqui para cadastrar-se reservadocaparao

 

 

Apto lindo, com piso laminado, coz americana e garagem coberta

Imóveis, Aluguel - Casas e Apartamentos - Brasil, São Paulo, Mauá. Data Maio 6

Aluguel - Casas e Apartamentos

 

Enquete

Nosso próximo encontro será um churrasco, participem

Sim (34)
85%

Não (6)
15%

Total de votos: 40

Novidades

09/07/2013 13:00

Compre e Venda sua unidade da Reserva Caparaó

Tem bastante gente interessada em negociar seu...
20/06/2013 19:00

Vagas de Garagem

Anuncie aqui sua vaga de garagem! Informe nome e...
03/05/2013 09:44

NOVO PORTAL DE RELACIONAMENTO

Prezado (a) Cliente, Você pediu, a MRV...
01/04/2013 23:00

Rede de Confiança - indicações

Pegue indicações de empresas, profissionais...
21/03/2013 10:19

Aviso MRV sobre Imposto de Renda

  Prezado(a)...
21/03/2013 09:20

Resumo Assembléia 16/03

Pessoal, segue resumo da assembléia realizada...
06/03/2013 13:28

Convocação Assembléia Extraordinária para 16/03/13

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Condomínio Reserva...
18/02/2013 14:15

Orientação para ligar a Água, Energia e Gás no apê - atualizado!

AES Eletropaulo É possível solicitar a ligação da...
07/02/2013 13:38

Comunicado MRV para quem não pegou chaves

Caro (a) Cliente,   Como você sabe, já...
16/01/2013 15:13

MRV entrega residencial Reserva Caparaó antes do prazo e com valorização

Como fruto da vontade de construir o seu...